20/11/2015

Adeus, Verão de São Martinho. Olá, Inverno!

Aproveitamos o tempinho bom que se fez sentir a semana passada para passeios, caminhadas, e dizer adeus às roupas mais leves e frescas. Custa começar a guardar tanta roupa fofa, sabendo que nunca mais vai vestir! Mas é bom sinal. É sinal que está a crescer bem.
Esta semana o sol continua a dar o ar da sua graça mas o frio já deu as boas-vindas, já comecei a vestir os casacos de Inverno. A selecção de roupa, o que fica e o que vai, já está em andamento.




Esta semana tivemos que sair porque ele tinha consultas, mas a vontade era de ficar fechada em casa com o aquecimento ligado. Segunda-feira foi dia de picas. Levou uma vacina do PNV e duas fora, recomendadas pela pediatra. Apesar dele ficar em casa comigo, decidimos dar a Rotavirus. Não irá brevemente para a creche mas estará em contacto com bebés que frequentam, e mesmo sendo algo que não previna uma gastroenterite, ao menos que atenue os seus efeitos. Que evite um internamento! Levou também a Bexsero. Andei a ler os testemunhos de outras mães sobre as reacções dos bebés a esta vacina e fiquei com medo! Mas como disse a enfermeira, ele portou-se muito bem. Não chorou muito, não fez febre, nem ficou com a perna muito dorida.
Quarta-feira fomos repetir o teste auditivo. Um ouvido tinha chumbado no primeiro exame, talvez por ter andado fanhoso, não sei, mas desta vez já passou. Está tudo bem. 
Para além das consultas de rotina no centro de saúde, normais para qualquer bebé, das consultas de pediatria (opção de muitos pais, nossa também), temos ainda consultas regulares de prematuridade no Hospital onde ele nasceu. Já temos "compromissos" para 2016! Ser mãe de um prematuro é passar a vida enfiada em médicos.

8 comentários:

Gorduchita disse...

É mesmo. Nós temos um ficheiro onde temos as datas todas registadas, para não nos perdermos. Temos consultas já para Julho.2016!

Camille disse...

O primeiro ano de um bebé é sempre rico em consultas... O meu não nasceu prematuro e também anda a ser seguido no hospital onde nasceu nas consultas de desenvolvimento. Fora as de rotina... Mas o mais importante é que está tudo bem. Com boas notícias aguentamos bem o número de consultas. hehehe ;)
Vai correr sempre tudo bem, vais ver. ;)

beijinhos **

Maria do Mundo disse...

Pois parece que o frio se vai instalar. Eu também sentia essa nostalgia quando arrumava roupas das minhas filhas que sabia que não íam mais vestir. Mas como dizes: é sinal que estão a crescer. Quanto à vacinação, também dei tudo o que havia para dar, mesmo tendo uma ficado em casa até aos 3 anos e outra até aos 18 meses.

Evy Percebes disse...

Vida de mãe é bem agitada e andamos sempre de coração nas mãos! Beijinhos

A Pimenta* disse...

O primeiro ano é repleto de vacinas. Eu deu a Bexsero e a da Rotavirus à Pimentinha. Sinceramente, o seguro morreu de velho e há coisas que eu não quero facilitar apesar de ela estar na avó. Lembro-me de fazer contas e ter percebido que no primeiro ano em vacinas extra PNS foi um dinheirão. mas sinceramente não lamento ter gasto esse dinheiro. Há coisas que mais vale prevenir, que remediar!

Alex disse...

Tudo para bem dos nossos filhos. São sempre eles que estão em primeiro lugar! Muda tudo na nossa vida, não é? Felicidades!

Carla disse...

Não comprei vacinas para as minhas, devido ao custo. Dei agora, aos 5 anos, a Prevenar, porque nesta idade é apenas 1 dose e bem mais barata!
Consultas foi assim mesmo, tivemos alta das consultas de prematuridade aos 9 meses!!!
Beijinhos :)

AMOR XXS disse...

Alex
Muda sim, para melhor :) É tão bom. Obrigada.